Buscar
  • Simone Stoffel

Seus dados importam!

Importam tanto que o Brasil ingressou recentemente no cenário global dos países que possuem legislação específica para a regulamentação da coleta, armazenamento e tratamento de dados pessoais.

Trata-se da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGDP), sancionada pela Presidência da República em 14.08.2018. Sim, os dados que você fornece quando se cadastra em um site durante uma simples pesquisa ou compra de livros/tênis/remédio etc., ou baixando um aplicativo gratuito, ou, ainda, se conectando a uma rede social, são valiosos para quem os está coletando. Certamente você não lê os termos de uso antes de dar o ok, até porque você não está disposto a abrir mão de estar naquela plataforma digital, interagindo e/ou adquirindo um produto ou informação desejada. Mas, é justamente neste termo que você não leu que está todo o valor comercial dos seus dados e como eles serão transformados em moeda que financiará o serviço "gratuito" que você está prestes a consumir. Em outras palavras, na economia digital quando um serviço é oferecido de forma gratuita, você não é o freguês, mas sim, o próprio produto! Lembre-se, de alguma forma estas empresas precisam se manter. Não existe "almoço grátis".

O recomendado é avaliar bem antes de cadastrar-se em um site ou rede social ou baixar um aplicativo. Avalie se ele realmente é indispensável e se contribuirá de forma positiva na sua vida pessoal ou profissional. Da mesma forma, dê-se o tempo e leia o termo de uso, atentando-se para a forma como seus dados serão utilizados, caso você dê o famoso “ok”. Fique atento e comece a dar mais valor aos seus dados, pois o mercado já o está fazendo!


14 visualizações0 comentário